fbpx

Blog

NOVO PLANEJAMENTO URBANÍSTICO É RUIM PARA NITERÓI

Sob a alegação de que objetiva “simplificar e atualizar as normas, tornando o processo de licenciamento de imóveis mais transparente, ágil e menos oneroso”, a Prefeitura de Niterói trabalha para emplacar na Câmara de Vereadores uma revisão da Lei Urbanística que é extremamente lesiva para a cidade.

Como venho há tempos denunciando, a construção do texto submetido pela prefeitura aos vereadores não apenas não contou com a participação popular, como traz autênticas aberrações.

É possível depreender deste texto, por exemplo, uma intenção velada de transformar Piratininga em uma nova Charitas, com uma proposta de gabarito para edificações que verticalizará a região.

O texto produzido pela Secretaria de Urbanismo, que aguarda aprovação da Câmara para sanção pelo prefeito, é omisso com relação a um outro absurdo, cometido pelo ex-prefeito Rodrigo Neves.

Por meio de uma Errata ao decreto 11744/14, criado por ele mesmo, que instituíra o Parque Natural de Niterói (Parnit), ele reduziu sua área, no trecho próximo ao túnel Charitas-Cafubá. Há denúncias de que aquele trecho, em plena área de conservação ambiental, se destinaria à construção de um shopping-center, imagine só!

O Ministério Público do Rio entrou com ação pública contra o ato, que segue na justiça.

É interessante ler nas entrelinhas o motivo que teria levado o ex-prefeito a criar o Parnit, que é um ajuntamento de áreas de preservação ambiental pela cidade: parques são áreas públicas que permitem aos municípios receber dos Estados mais recursos do chamado ICMS verde, ou ICMS Ecológico.

Pois é de estranhar que o atual prefeito, que enaltece em seu próprio site pessoal o passado de “militância socioambiental”, tenha deixado de propor no texto de revisão do plano urbanístico de Niterói a reincorporação ao Parnit da área suprimida.

Por que agiu assim ? E por que quer liberar a construção de prédios de até 8 andares na saída do túnel?

De estranhar, mas, sobretudo, de apontar e cobrar. É o que tenho feito nas audiências públicas promovidas pela Câmara sobre o tema. Apesar da pouquíssima divulgação da Prefeitura, os encontros são importante mecanismo para levar aos vereadores a insatisfação com o texto, e exigir deles ação firme para impedir que Niterói saia perdendo mais uma vez, por conta de seus governantes.

Felipe Peixoto

Durante seus mandatos, Felipe aprovou mais de 100 leis e presidiu importantes Comissões, como a do Foro e Laudêmio e a da Linha 3 do Metrô. Como Secretário de Estado, Felipe foi responsável por inúmeras realizações e projetos que beneficiaram todas as regiões do RJ. 

 Leia mais sobre Felipe

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Palavra-Chave

  • Tipo

  • Tema

  • Ano

  • Cargo

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM