fbpx

Obras do Parque Orla Piratininga

A Prefeitura de Niterói anunciou esta semana o começo da segunda etapa das obras de construção do Parque Orla Piratininga (POP), na Região Oceânica. O empreendimento prevê diversas medidas até 2022, como a recomposição vegetal da orla, a implantação de espaços e equipamentos de lazer e esporte com um sistema cicloviário e a urbanização da Via Chico Xavier. Comemoro o início dessa nova fase e aqui destaco o meu compromisso com a população de fiscalizar sua execução, bem como a conclusão da etapa já iniciada. Vale ressaltar também que, apesar da promessa de melhorias urbanísticas e para o meio ambiente, as obras geram preocupação justamente devido aos impactos ambientais.

No fim do ano passado, a Comissão de Saneamento Ambiental (Cosan) da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) já havia solicitado junto ao Ministério Público do Estado do Rio o embargo das obras após encontrar indícios de que os trabalhos no canteiro estariam colocando em risco a fauna existente no local. As obras seguiram, mas nós permanecemos atentos.

No mês passado enviei um requerimento à Mesa Diretora da Alerj solicitando que fosse dirigido questionamentos ao INEA (Instituto Estadual do Meio Ambiente), sobre o licenciamento das obras da Lagoa de Piratininga. Pedi a cópia de qualquer processo de licenciamento, já concluído ou não, das obras realizadas pela Prefeitura na lagoa e seu entorno, assim como a cópia do documento de concessão que transferiu a gestão das lagoas oceânicas de Niterói para o município.

Sou defensor das causas ambientais e sempre me dediquei muito à preservação da Lagoa de Piratininga. Obras que promovam melhorias são sempre bem-vindas, mas não há mais espaço hoje em dia para o desenvolvimento sem responsabilidade socioambiental. Cidades inteligentes são aquelas que conseguem alinhar de forma sustentável a criação de estruturas e do mobiliário urbano com a preservação da fauna e flora de uma região ou espaço. Sigo aguardando o retorno do INEA e fiscalizando as ações que estão sendo implantadas.

Felipe Peixoto

Durante seus mandatos, Felipe aprovou mais de 100 leis e presidiu importantes Comissões, como a do Foro e Laudêmio e a da Linha 3 do Metrô. Como Secretário de Estado, Felipe foi responsável por inúmeras realizações e projetos que beneficiaram todas as regiões do RJ. 

 Leia mais sobre Felipe

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × cinco =

  • Palavra-Chave

  • Tipo

  • Tema

  • Ano

  • Cargo