fbpx

Blog

Pela saúde e pela economia

Todos sabem que sou defensor das medidas preventivas de saúde para reduzir a propagação do coronavírus. Inclusive, votei a favor do Projeto de Lei Nº 3.906/2021, que estabeleceu a antecipação de feriados no nosso Estado e municípios. Lamento, no entanto, a não aprovação da emenda ao projeto que propus, onde solicitei a adoção de ponto facultativo, e não feriado nos dias 26 e 29 de março e 1º de abril. É que, além de todo o sofrimento com as perdas irreparáveis de vidas, a pandemia trouxe um grande desafio econômico, principalmente para médios e pequenos empresários.

O prejuízo para empresas e estabelecimentos comerciais e de serviços não essenciais será grande com a interrupção dos serviços e a obrigatoriedade do pagamento de salário em dobro, como exigido por lei nos feriados. Isso também vai afetar os municípios que não estabeleceram tantas restrições quanto o Governo do Estado, mas terão que seguir a regra. Uma medida simples, que seria a adoção de ponto facultativo, ajudaria a desafogar os empresários.

Nós, como políticos, responsáveis por votar leis e projetos que beneficiarão toda a sociedade, temos que ter sempre em mente todos os aspectos que envolvem uma situação de crise. Nunca passamos por uma pandemia antes. E ela está sendo mais longa do que esperávamos. Claro que não vamos acertar em tudo, mas não podemos falhar em olhar para todos os detalhes que vão garantir a vida das pessoas. A saúde pública vai muito além dos cuidados hospitalares. Já é aceito e compreendido que as próprias medidas restritivas e de distanciamento social, que devem ser promulgadas pelas autoridades constituídas, são um dos aspectos da saúde pública. Vale sempre lembrar que a economia também. Saúde pública e economia caminham juntas e promovem o bem-estar e a qualidade de vida de uma população.

Foi possível perceber isso ainda em relação à morosidade para a chegada das doses de vacina no país e no estado. Aspectos políticos e econômicos foram cruciais para essa demora, que pode significar mais perdas de vidas. Vou continuar sendo uma voz para chamar atenção para a necessidade de promovermos ações que vão proteger a população contra o vírus e suas consequências que não são poucas; para a economia; e até mesmo para o desenvolvimento social das pessoas.

Felipe Peixoto

Durante seus mandatos, Felipe aprovou mais de 100 leis e presidiu importantes Comissões, como a do Foro e Laudêmio e a da Linha 3 do Metrô. Como Secretário de Estado, Felipe foi responsável por inúmeras realizações e projetos que beneficiaram todas as regiões do RJ. 

 Leia mais sobre Felipe

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + nove =

  • Palavra-Chave

  • Tipo

  • Tema

  • Ano

  • Cargo

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM