A CEASA esteve representada no Café Comunitário do Batalhão

O diretor Operacional da CEASA-RJ, Valdemir Rebello, participou na manhã desta quarta-feira, dia 31 de agosto, do 6 º Café Comunitário de Segurança do 41º Batalhão de Polícia Militar. Comandado pelo coronel Alexandre Fontenelle, o batalhão está localizado no interior da Unidade Grande Rio, em Irajá, Zona Norte do Rio. De acordo com informações da corporação, o objetivo do evento é unificar a sociedade, representada por presidentes de associação de moradores, representantes de instituições de Segurança, entre outros. Em sua fala para os moradores, o comandante ressaltou a boa relação e a parceria existente com a direção da Central de Abastecimento. “A parceria com a nova direção da CEASA nos ajudou muito em nosso trabalho. Não foi a primeira vez, e nem será a última que isso acontece. Estávamos com algumas deficiências que foram superadas com a ajuda da empresa”, salientou o coronel Fontenelle.

Representando o presidente da CEASA-RJ, Leonardo Brandão, o diretor Operacional da empresa agradeceu o reconhecimento da corporação e fez questão de ressaltar que a Central de Abastecimento estará sempre de portas abertas para ajudar. “Nós e a Associação Comercial dos Produtores e Usuários da Ceasa do Grande Rio (Acegri) nunca nos furtamos em ajudar no que é possível. É muito importante ter o batalhão na nossa área. Estamos estabelecendo uma parceria que traz muitos benefícios para a empresa”, disse Rebello.

No encontro, além de reivindicações, os representantes de associações de moradores aproveitaram para agradecer ao coronel Fontenelle pelas soluções encontradas para seus bairros. Com o objetivo de aprimorar o serviço de combate ao crime, o batalhão está disponibilizando os telefones da unidade para os moradores da região que quiserem fazer denúncias anônimas. Os telefones são 2333-8422/7893-1417/8596-7975. A Polícia Militar garante sigilo absoluto

A CEASA-RJ vem atuando em parceria com o 41ºBPM em diversas operações para coibir alguns desmandos que eram praticados no interior da Unidade Grande Rio. O objetivo da empresa é seguir realizando ações para buscar a ordem dentro da Central de Abastecimento, que é a segunda maior da América Latina.

Por Sergio Jardim

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Deixe uma resposta

sete + quatro =

Fechar Menu