fbpx

Felipe Peixoto esteve presente nos lançamentos do Programa de Aquisição de Alimentos da Ceasa-RJ

As unidades contemplarão cerca de 300 instituições

O deputado estadual Felipe Peixoto, ex-secretário de Estado de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca (Sedrap), esteve presente em uma série de lançamentos do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), da Ceasa-RJ, que aconteceram no início do mês de dezembro. O último evento foi realizado na manhã desta terça-feira, 16, no Mercado de Colubandê, em São Gonçalo, onde o deputado lembrou o início do programa.

 

“Assim que chegamos na secretaria, em 2011, uma das coisas que mais nos preocupou foi o desperdício de alimentos nas unidades da Ceasa. Foi quando nasceu o Banco de Alimentos, que hoje recebe esse reforço do PAA permitindo ampliação do projeto e contribuindo também, diretamente para o fortalecimento da agricultura familiar”, destacou.

 

Somente no primeiro mês, o PAA já adquiriu cerca de 30 toneladas de itens hortifrútis de pequenos produtores. Criado em 2003 pelo Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), é a primeira vez na história que o Programa é executado por uma central de abastecimento. Com duração de cinco anos, podendo ser renovado por mais cinco, o programa consiste na compra de alimentos de pequenos agricultores com recursos do MDS para serem doados a instituições socioassistenciais.

 

O presidente da Ceasa, Sérgio Marcolini, afirmou a iniciativa é um incentivo à agricultura familiar e, consequentemente, da economia, além de fortalecer programas sociais, como o Banco de Alimentos – que desde 2011 distribui a entidades cadastradas frutas, legumes e verduras impróprios para comercialização, mas em perfeitas condições para consumo. Com o reforço, o Banco passará a atender cerca de 300 instituições em todo o estado, aumentando em 50% o número de beneficiados, somando 40 mil assistidos.

 

“Estou muito satisfeito em fazer parte da gestão que, pela primeira vez, vai administrar o programa diretamente.  O PAA tem um caráter socioeconomico importantíssimo: ajuda a instituições, garantindo ao agricultor a venda dos produtos por um preço justo. Isso impulsiona até mesmo a diversificação das lavouras. Nossa meta é cadastrar, já no próximo ano, mais de 2 mil agricultores. Com isso, o valor destinado ao programa pode chegar a R$16 milhões até 2016”, explica.

 

Mais instituições no Banco de Alimentos – Com o PAA será possível manter a regularidade das doações realizadas pelo Banco de Alimentos e incluir novas instituições. A Associação Pestalozzi de Niterói, que atende a mais de 1.200 crianças e jovens, é uma das novas contempladas. Há mais de 60 anos a instituição realiza trabalhos beneficentes na cidade.

 

“As doações que vamos receber será destinada a cerca dos 500 alunos que participam do nosso programa educacional. Vamos somá-las ao recurso da merenda escolar e assim garantir uma alimentação saudável e regular durante o ano inteiro”, destacou Marcelo Pacheco, coordenador financeiro da instituição.

Felipe Peixoto

Durante seus mandatos, Felipe aprovou mais de 100 leis e presidiu importantes Comissões, como a do Foro e Laudêmio e a da Linha 3 do Metrô. Como Secretário de Estado, Felipe foi responsável por inúmeras realizações e projetos que beneficiaram todas as regiões do RJ. 

 Leia mais sobre Felipe

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Palavra-Chave

  • Tipo

  • Tema

  • Ano

  • Cargo

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM