Espaço, que será referência, oferecerá o primeiro mestrado profissional em aquicultura

Um espaço para qualificar profissionais e promover pesquisa na área de pesca e culturas marinhas, além de oferecer cursos sobre meio ambiente para a comunidade. Este é o objetivo do Centro de Estudos e Pesquisas em Aquicultura, Pesca e Ambientes Aquáticos (Cepapa), idealizado pela Secretaria de Desenvolvimento Regional. O projeto, que vem sendo desenvolvido desde dezembro, conta com recursos do Ministério da Pesca de R$ 201 mil e com uma contrapartida da secretaria de R$ 20 mil.

O Cepapa oferecerá um mestrado profissional em aquicultura e pesca, que será o primeiro do gênero no estado. O corpo docente será formado por pesquisadores da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio (Fiperj) e de outras universidades. O centro será construído numa área pertencente ao Estado, de cerca de 20 mil metros quadrados, próxima à Lagoa de Piratininga, em Niterói, onde funcionava o Iate Clube da região, desativado há cinco anos. A previsão do secretário de Desenvolvimento Regional, Felipe Peixoto, é de que o projeto seja concluído em novembro. A licitação para as obras só devem ser iniciadas em 2014.

– Nós retomamos este espaço que historicamente pertencia ao Estado, mas estava

sendo usado pelo clube. Não queríamos deixar a área ociosa. O Cepapa ajudará a suprir a necessidade de formação técnica e profissional no setor de pesca e aquicultura no Rio de Janeiro – afirmou Peixoto.

No local, serão realizados estudos e experimentos de cultivo e reprodução com espécies aquáticas, principalmente nativas, de importância social e econômica, que estejam com o estoque natural comprometido.

Ascom Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional

TALVEZ VOCÊ GOSTE TAMBÉM

Deixe uma resposta

14 − 4 =

Fechar Menu